quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Saída Fotográfica - Monte Norikura - Outono e Astrofotografia

    SAÍDA ADIADA, NOVA DATA DIA 15 DE OUTUBRO DE 2016


      Escolhemos o Monte Norikura para nossa primeira saída fotográfica por ser um dos melhores pontos para fotografia do Outono já no início de outubro e para astrofotografia devido a sua localização.
     A saída está prevista para começar as 9:00 hrs no escritório da EFMS próximo a estação central de Nagoya as 8:30 da manhã do dia 1 de Outubro  15 de Outubro de 2016. Seguiremos via carro até o Centro de Turismo de Norikura com chegada prevista para 12:40 e pegamos o ônibus pois não é permitido subir de carro até o topo da montanha.
     Das 14:00 hrs em diante estaremos fazendo uma trilha no topo da montanha que já estará com as cores características do outono japonês. Também já estaremos fazendo o reconhecimento do local para nos posicionar para a fotografia noturna de estrelas. É muito importante fazer este reconhecimento ainda com a luz do dia. Neste período do ano as fotos da Via Láctea são tomadas logo ao anoitecer. Os participantes poderão continuar fotografando por toda a noite ou aguardar  para realizar as fotografias do amanhecer. As 9:00 horas do dia 2 de Outubro 16 de Outubro iniciamos a volta com previsão para chegada em Nagoya as 14:00 hrs.
   
     O que levar:
     Equipamento Fotográfico:
1- Camera DSLR ou Mirrorless ou Médio Formato.
2- Objetivas Zoom média e/ou grande angular, Fixa grande angular com grande abertura.
3- Tripé.
4- Cabo disparador ou controle remoto.
5- Equipamento de limpeza de objetivas.
6- Aquecedor para objetivas  *( não é essencial possuir este equipamento) ou pequeno pano.
7- Bateria(s) extra(s).

     Equipamento do participante:
1- Lanterna de mão e/ou de cabeça.
2- Smartphone.
3- Bateria extra USB.
4- Sacola plástica para guardar lixo.
5- Lona (ou algo semelhante, deve ser leve para transportar durante o dia todo) para não sentar diretamente no chão.

     O que vestir:
Como estamos no início de outono, no alto da montanha as temperaturas já são bem baixas chegando a mínima de 6 graus, portanto o participante deve levar uma roupa que o deixe aquecido. O calçado deve ser confortável para este tipo de terreno. É aconselhável levar luvas leves, boné ou chapéu e uma manta leve.


Contato para reserva de vagas e instruções: 09034242188 (Saiki)

By Alpsdake (Own work) [CC BY-SA 3.0 (http://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0)], via Wikimedia Commons

By Alpsdake (Own work) [CC BY-SA 3.0 (http://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0)], via Wikimedia Commons



photo: Hiroaki Kaneko

photo: J-hoppers


Milky Way from an Norikura Observatory in Mt. Marishiten-dake, Japan - Spherical Image - RICOH THETA


Data de saída: 1 de Outubro  15 de Outubro de 2016
Horário de saída: 8:30 hrs (manhã)
Local de saída: escritório EFMS (próximo a estação de Nagoya) Mapa Aqui
Data de retorno: 2 de Outubro 16 de Outubro  de 2016
Horário de chegada: aproximadamente 14:00 hrs
Local de chegada: escritório EFMS

Valor da saída fotográfica: ¥10,000. Associados JFPA ¥9,000.
Valor do ônibus: ¥2,500 (ida e volta do Centro de turismo de Norikura até o Centro de ônibus próximo ao topo da montanha).
Custo de transporte de Nagoya a Nagano pode ser dividido entre os participantes.
Para participantes que vierem de outras cidades ou regiões o ponto de encontro será no Centro de Turismo de Norikura. O estacionamento no Centro de Turismo é gratuito, mas há número limitado de vagas.
Contato para reserva de vagas e instruções: 09034242188 (Saiki) ou pelo formulário no link: aqui

No dia 9 de Outubro de 2016 haverá uma aula extra sobre tratamento das imagens captadas nesta saída fotográfica, das 9:00 hrs as 12:00 hrs, o custo para participantes da saída é de ¥1,000; fotógrafos da J-Stock1 estão isentos.








terça-feira, 20 de setembro de 2016

a Seiro Takayama * 15/09/1918 + 17/09/2016

Uma homenagem a um fotógrafo imigrante japonês que todos deveriam conhecer. Faleceu sábado dia 19 de setembro de 2016. Gostaria muito de te-lo conhecido pessoalmente, mas não pude, conheci sim seu neto, fotógrafo publicitário Celso Yamashita. Um fato que gostaria de saber como aconteceu foi essa exposição na Espanha no CAAC onde o nome do Sr. Takayama está incluso numa lista de fotógrafos mundialmente conhecidos(http://www.caac.es/prensa/dossiers/dos_flamyfot09.pdf). E a vida deste fotógrafo foi repleta de fatos interessantes, certeza que vale um belo livro.

Nota da folha em 1998 sobre sua exposição:
Takayama exibe japoneses no Brasil
Retratos foram feitos entre 1948 e 1995 
A Casa da Fotografia Fuji traz os retratos de Seiro Takayama feitos entre 1948 e 1995. Radicado no país desde 1935, Takayama dedicou-se ao registro dos japoneses residentes no Brasil, como meio de preservar a sociedade e as suas tradições.Dessa forma, a mostra se detém em retratos de personalidades conhecidas de nossa época. Entre os pintores estão Manabu Mabe, Tomie Ohtake, Takaoka, Fukushima e Yutaka Toyota, e ainda o escritor Massuo Daigo e a cantora Misara Hibari. Seus trabalhos também formam um registro da evolução da fotografia social no país.

Uma reportagem da Central de noticias G1 Globo.com-em 5 de junho de 2008, publicava que:Um dos moradores mais famosos do Ikoi no Sono é o fotógrafo Seiro Takayama. Ele chegou há quatro anos, depois de ficar viúvo. A fotografia é sua grande paixão. Uma história que o acompanha há muitos anos. Desde que embarcou no navio a caminho do Brasil, em 1935. Conta que veio com a família, na esperança de encontrar uma vida melhor. O navio deixou a cidade de Kobe, no Japão, e atravessou oceanos antes de chegar ao porto de Santos. A família seguiu direto para Pereira Barreto, no interior de São Paulo. Já tinham comprado, do Japão, um lote de terra, onde havia plantação de algodão. Seiro se lembra da dificuldade da família de comerciantes em trabalhar com agricultura. Em 1938, venderam o terreno e compraram uma casa da cidade. Foi nesta época que Seiro voltou ao Japão. Tinha feito a promessa de buscar a noiva e aproveitou para estudar fotografia.Depois de formado, voltou ao Brasil com a esposa. Foi morar em São Paulo, onde nasceram seus quatro filhos. Abriu um pequeno estúdio, no bairro da Liberdade onde trabalhou como fotógrafo até se aposentar. Seiro adora lembrar o tempo que passou, mas não deixa de aproveitar o presente. Suas lentes estão sempre prontas para registrar momentos especiais.

foto publicada: Ikoi no Sono


Descanse em paz Seiro Takayama san. Tenho certeza que está num local maravilhoso, cercado pelos amigos e com sua camera fotográfica.

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Novo Logotipo e de Volta as Aulas

Depois de dois anos afastado, estou voltando as atividades educacionais no ramo da fotografia. Tenho trabalhado como fotógrafo em tempo integral e ainda conciliava meu tempo com a escola. Finalmente consegui negociar um tempo para me dedicar as aulas de fotografia, principalmente aos finais de semana. 
Começamos com o pé direito, agora o escritório da escola fica na sede da Dive.tv, uma empresa de mídia multicultural aqui em Nagoya, dividimos o espaço, aprendo muito e tento passar um pouco para eles também. O novo logotipo também já ficou pronto, na verdade levou umas 3 horas para conseguir fazer o desenho por completo. E não paro aí, a escola terá mais videos, promocionais e educativos, a intenção é produzir conteúdo (video ou audio) semanalmente.
As aulas de curso básico devem começar assim que os primeiros alunos aparecerem. Já estou pronto para fazer novas matrículas e agendar o início do novo curso. O curso de estúdio novo será em estúdios profissionais em Nagoya e região, além das aulas externas. O curso de estúdio foi dividido em dois módulos, mas depois volto a falar disto.
Amanhã, sábado dia 17 de setembro de 2016 marcamos um encontro no novo escritório, quem quiser pode aparecer, basta levar a bebida rs! O endereço agora é  453-0014 Aichi-ken Nagoya-shi Nakamura-ku, Noritake, 2 Chome 9-2, 2F. A 5 minutos do Biccamera próxima a estação central de Nagoya.

Um grande abraço a todos! Até a próxima!



sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Passeio pelo Museu de Artes de Aichi em Nagoya

     Hoje a E.F.M.S. patrocinou o passeio de alguns alunos do Ensino Médio da NPO Escola São Paulo.
Após o museu, os alunos almoçaram e foram recebidos pelo Consul Geral do Brasil em Nagoya Excelentíssimo Sr. Arnaldo Caiche d'Oliveira.










Mais informações na página do facebook da NPO aqui: https://www.facebook.com/npoesp/

domingo, 24 de janeiro de 2016

Advertising... Propaganda...

    Uma coisa que adoro são os programas de televisão japoneses. Há variedades e mais variedades de programas. E durante os intervalos vem o comerciais, achei interessante os de uma empresa de fotografia. No Japão pode-se dizer que existem verdadeiras companhias do ramo, muito grandes como a rede Kitamura, Biccamera, etc. A propaganda que estou falando é de uma rede de estúdios, lá o padrão não é a excelência em inovação, é fazer mais do mesmo mas de forma bem feita. A fórmula não muda e nem os clientes, mesmo com o advento da fotografia digital, essas redes ainda proliferam pelo país afora. O que vejo são os pequenos estúdios cada vez mais em dificuldades, mas isso é papo pra outro dia.
     No Japão há uma cerimonia muito importante para todas as famílias todos os anos, para os que tem filhos de 7, 5 e 3 anos de idade. Este ano prestei serviço para um companhia e foi uma correria tremenda. Outra cerimonia que trabalhar foi o da maioridade. É muito trabalho mesmo, e diria que se alguém quer se aventurar neste ramo, que tenha uma boa equipe de produção japonesa. Infelizmente nós estrangeiros conhecemos de forma rasa a cultura e cada detalhe conta.
     Omiyamairi é outra cerimonia importante. É similar ao batismo católico. Bom, sempre tudo é fotografado e muitas vezes por amadores, amigos ou parentes e é disto que as propagandas falam. Vejam aí!

フォトスタジオタートル ★お宮参り編



Vale lembrar que estúdios como o Turtle, Mario ou Alice estão espalhados pelo país, são franquias que sempre fazem o mesmo trabalho não importa onde, eles gastam centenas de dólares em propaganda e tem custo bem baixo, ganhando no volume. Quem quiser um trabalho um pouco mais refinado, é melhor procurar um estúdio na sua cidade com conceito próprio.

フォトスタジオタートル ★七五三編


Mas que são divertidos, ninguém pode negar! rs.